Por: Daniel Grazioli Em: 17 de agosto de 2018 Categoria: Mídias Sociais Comentários: 0

Cada vez mais empresas passam a anunciar no YouTube para deixar a sua estratégia de marketing digital mais eficaz. Quer saber como você pode fazer o mesmo para o seu negócio? Então, confira as dicas deste post:

Por que ter um canal no YouTube

Ao escolher criar um canal no YouTube, é preciso levar em conta alguns pontos como: mercado, o público-alvo e os objetivos de marketing digital que você quer conquistar por meio dessa estratégia.

Afinal, o seu negócio precisa estar inserir nos meios em que o seu público esteja presente. E por que o YouTube deve ser um deles?

Em 1º lugar, porque o YouTube conta com mais de 1 bilhão de usuários ativos. Além do mais, por minuto são adicionadas 300 horas de vídeo — o que corresponde a 6 bilhões de horas de vídeo por mês.

Além do mais, conteúdos do YouTube são compartilhados em redes sociais como Twitter e Facebook. O número de vídeos visualizados no Facebook por minuto é o mesmo de 323 dias de conteúdo.

As vantagens de anunciar no YouTube

Além de ser um canal com muitos usuários, existem outras vantagens de anunciar no YouTube:

  • grande tráfego: como o YouTube é um dos sites mais visitados no país, são grandes as chances de o seu anúncio ser visualizado;
  • anúncios segmentados: a exemplo de outras ferramentas como Google AdWords e Facebook Ads, você pode segmentar a exibição de anúncios;
  • horário de exibição: você pode escolher quais são os horários em que os anúncios aparecerão no YouTube. Ao saber a qual hora o seu público está mais ativo, a sua taxa de conversão aumenta;
  • adaptabilidade: outra vantagem da plataforma é a adaptabilidade com desktops, smartphones e tablets para que o anúncio chegue às pessoas, independentemente do meio usado;
  • pagamento por ação: quando falamos de investimento, espera-se um retorno por isso, certo? O pagamento para aparecer em anúncios no YouTube acontece por meio do custo por visualização (CPV), em vídeos relacionados ou em resultados de uma busca.

Como anunciar no YouTube

Primeiramente, é preciso saber quais são os tipos de anúncios oferecidos pelos YouTube. Assim, você pode considerar aqueles que são mais adequados para a sua empresa investir.

Basicamente, são 3 os tipos de anúncio que a plataforma oferece:

  • anúncio de texto: aparece na parte inferior da reprodução do vídeo e ocupa 20% do espaço da tela. É o mais usado quando a intenção é que os anúncios sejam visualizados rapidamente;
  • anúncio gráfico: é exibido na parte inferior do vídeo que é reproduzido, embora também possa aparecer em qualquer página da rede de display em que o proprietário der permissão para anúncios gráficos;
  • anúncio em vídeo: pode aparecer antes, no meio ou ao final de um vídeo. Há casos em que é necessário ativar essa opção para que o vídeo seja reproduzido. Ele também pode aparecer em espaços que os youtubers disponibilizem como anúncio ou qualquer parte da rede de display.

Práticas para montar uma estratégia para o YouTube

Antes de começar a produção de vídeos, é preciso definir os pontos estratégicos que você quer conquistar:

1. Trace um objetivo

Primeiramente, é necessário traçar um objetivo para a criação e anúncio dos vídeos. Para isso, é preciso entender o que você quer conquistar a partir dos vídeos: fortalecer a marca, gerar leads ou ter mais vendas. Também é necessário saber que tipo de ação o usuário deve fazer após ver o anúncio.

2. Produza bem o vídeo

Antes de pegar a câmera e apertar o REC, deve-se levar em conta o que tornaria o vídeo atrativo para o seu público e qual mensagem gostaria de passar. Para isso, é importante seguir algumas práticas que vamos ensinar agora:

Práticas para produzir um vídeo

As técnicas para produção de um vídeo de qualidade podem variar. Por isso é essencial levar em conta aquelas que lhe tragam mais conversões. Para isso, é preciso saber o que torna um vídeo bom e atraente para o seu público a partir dos seguintes pontos:

3. Defina o roteiro

Antes de começar a gravar o vídeo, faça um passo a passo do que falar. Além disso, é recomendável que os vídeos sejam rápidos e objetivos.

4. Faça vídeos de qualidade

Um vídeo gravado com baixa qualidade, som ruim e imagem desfocada, por mais que traga visualizações, dificilmente trará conversões. Com tanta demanda de vídeos no YouTube, os usuários passam a ser mas exigentes sobre o que vão assistir. Por isso, invista na qualidade audiovisual do seu conteúdo.

5. Inove

Para que o seu vídeo tenha destaque, você deve ter um diferencial por meio de um conteúdo criativo e inovador de modo que gere maior interesse no público.

6. Capte a atenção dos usuários

Ao inserir um anúncio no YouTube, é importante que você chame a atenção do público nos primeiros 5 segundos de exibição, afinal, esse é o tempo que você tem para captar um usuário e convertê-lo em cliente.

Para isso, não basta mostrar o produto, mas também persuadir a consumi-lo a partir de valores agregados ao anúncio.

Práticas para promover um vídeo

Basicamente, existem 3 formas de promover os seus vídeos:

7. Rede de pesquisa do YouTube

Aqui os resultados aparecem nas consultas de pesquisas e permitem apresentar os anúncios TrueView em Display.

8. Redes de vídeos do YouTube

Nessa rede, você pode publicar vídeos no formato TrueView em display e também em sequência.

9. Rede de Display do Google

Trata-se de uma coleção de sites que têm parceria com o Google, YouTube e outras propriedades específicas do Google. Todos os tipos de formatos de anúncio podem ser exibidos.

Práticas para mensurar os resultados

O monitoramento e a mensuração dos resultados são os últimos passos e indispensáveis para saber se as suas ações estão funcionando.

O YouTube oferece diversas métricas, mas 3 devem ser consideradas: visualizações, tempo assistido e origem do tráfego.

10. Visualizações

Essa métrica permite mapear quais são os dias, os vídeos e os assuntos mais relevantes para o seu público. Afinal, os vídeos mais vistos podem dar ideias do que pode ser interessante para a produção dos próximos.

11. Tempo assistido

O YouTube Analytics mostra o tempo médio assistido pelos usuários em todo o canal e também em cada vídeo. Como o algoritmo do YouTube seleciona os conteúdos de acordo com o tempo médio de visualização, saber quanto tempo do seu conteúdo as pessoas assistiram é uma boa métrica para saber que os seus vídeos estão performando bem.

12. Origem do tráfego

Por fim, descobrir de onde os usuários vêm é a melhor forma de entender como o público descobre o seu canal no YouTube e quais meios têm o melhor desempenho.

Agora que você já sabe como anunciar no YouTube, tudo pronto para começar?

Se você não puder dar início a essa estratégia sozinho, pode contar com uma agência. Aliás, confira este post sobre as vantagens de contratar uma agência de marketing digital.

DEIXE UM COMENTÁRIO!

Trackback URL: http://agenciamulticom.com.br/site/12-boas-praticas-para-anunciar-no-youtube/trackback/